22 de abr de 2010

Novas fotos e breve-longo relato da Integração Ijuí - 3 Passos

Daí pessoal.

Como o Marcos já comentou, este pedal do último domingo foi um dos melhores que a ACIB já participou. Pra mim foi o melhor que já fiz, pois os outros como Rota do Sol e Serra não pude ir. Agradeço desde já e em nome da associação o convite feito pelo Beto e pelo pessoal de 3 Passos que nos convidaram e nos receberam muito bem e fizeram um pequeno evento se tornar um inesquecível acontecimento, pois tudo foi muito bem feito desde a recepção, o almoço, os lugares para pedalar (muito bonitos e bons) e a cordialidade de todos, mesmo os não ciclistas.
Agora vou fazer um breve longo relato de como foi nossa aventura:
            Pra começar, a idéia do Beto foi muito boa em convidar a ACIB para esta integração, que foi tudo meio em cima do laço, mas valeu a pena. Ele me ligou na sexta-feira, uma semana antes, fazendo o convite para pedalarmos. Consegui falar com o pessoal somente a partir de domingo. Mandei email para todos os membros da Associação, fiz cartaz e deixei na loja do Fernando, a IJUÍ BIKE CENTER, mas esqueci o principal, colocar no blog, hehe (baita burro). Lembrei de colocar porque o próprio Beto me mandou email lembrando. Depois que postei no blog, solicitei resposta até quinta-feira, para a gente se programar bem como ir, se ia de van ou de carro. Na quinta tínhamos só 7 confirmados. Daí pensei, será que vamos ter que ir de carro? Não, a galera da ACIB se interessou e na sexta de manhã a gurizada confirmou presença, chegamos a 9 ciclistas mais as 3 “musas da equipe de apoio” como disse o Marcos, completando os 12 integrantes da integração com nossos amigos de 3 Passos.
            Marcamos a saída para as 6h da manhã de domingo. Quem iria pedalar deixou as bikes no sábado lá na IJUI BIKE CENTER, para colocar na carretinha e deixar pronto. Pra variar, contamos e faltou uma bike, de quem será? Olhamos, olhamos, descartamos a do Marcos que iria colocar em casa e a do Trator que iria vir pedalando de casa e colocar no domingo, mas ainda faltava uma, a do Douglas. Ligamos pro fulano, que agora é “milico”, tava dormindo. Acordamos o guri, que veio quase meia hora depois trazer a bike, com uma cara de sono que chegava a dar dó, acho que tão fazendo alguma coisa com ele no quartel, hehehe. Pronto, todas as bikes no lugar.
            No domingo, cheguei era 5:30h, 1 quadra antes já ouvia a voz do CATORRITA contando as histórias dele junto com o JEAN (PEDRA) e suas teorias. O trator já tinha chegado antes da 5h da manhã, não sei pq, mas..., fazê o que né. Saímos de viagem era 6 e pouco da manhã, chegamos em 3 Passos era 8h. Nos encontramos com o Beto e fomos até o complexo da Loja Cornelius, do Beto. Tiramos as bikes, colocamos o “fardamento” e saímos em direção ao Parque da FEICAP para nos encontrarmos com o restante do pessoal. Formamos junto com o pessoal de 3 Passos um pelotão de 20 ciclistas.
Pela manhã, saímos em direção a Tenente Portela para pedalar os quase 60Km de muita subida, e muito mais descida. Coisa de louco este lugar, pra começar uma decida de 4 Km, com umas curvinhas fechadas, muito bom de descer, logo depois começou o sofrimento, subida íngreme que não terminava nunca, não dava descanso, mas muito boa de subir. Chegamos em Tenente Portela, fomos até o centro pra conhecer a Praça do Índio, um pouco da cidade e comer alguma coisa, pra poder voltar. Na volta, era quase só descer, pq depois de tudo que subimos..., tinha uma descida que eu alcancei a velocidade de 72,5Km/h e teve alguns que passaram de 76Km/h, e sem pedalar, muito bom, coisa que nunca tinha feito, é muito emocionante. Mas ao contrário do ditado que diz que tudo que sobe desce, pra nós tudo que desceu tem que subir, veio a subida de 4Km, de pura serra. Gurizada, que sofrimento, era pesada mesmo a subida, mas todos conseguiram, sem precisar de reboque.
            Chegamos no Parque da FEICAP ao meio-dia para almoçar. Tínhamos planos de tomar banho e tal, pra almoçar. Que nada fomos almoçar na casa dos alemães daquele jeito mesmo, de uniforme. O almoço foi cortesia da feira, igualmente ao ingresso, que o Beto conseguiu pra nós com os organizadores. O pessoal ficava olhando pra nós com umas caras que só nós soubemos qual, hehehe. Todo mundo olhava estranho, também né, um monte de amarelinhos. A comida tava muito boa, bastante massa, churrasco, porco assado inteiro, muito bom, pena que não dava pra tomar chopp.
            Saímos do almoço e fomos descansar um pouco lá na Cornelius. O Beto conseguiu uns colchonetes pra gente dar uma esticada nas pernas, valeu a pena. Conseguimos descansar pra pedalada da tarde. Alguns até roncaram, né Marcos.hehe. Merecido ronco, já que o Marcos não dormiu na noite anterior pq tinha uma viagem e chegou em casa as 4h da manhã.
            De tarde fomos para o lado da Argentina, em direção a fronteira. Foram mais 60 Km de pedalada por uma estrada lisinha, sem nenhum buraco, com paisagens lindas e o sol também ajudou bastante para a gente visualizar toda beleza do lugar. Tinha bem menos subidas que o trajeto da manhã, mas tão legal quanto. Chegamos ao “topo do mundo” como o pessoal de 3 Passos chama o lugar, que é a parte mais alta do trajeto e dá pra ver no horizonte cerca de 10Km para cada lado. Lá fizemos o retorno e paramos num quiosque para comer uns chocolates e sorvete pra recarregar as baterias. Ficamos em torno de 30 min, e largamos de volta pra 3 Passos, já programando uma nova pedalada, com direito a almoço no quiosque com Tilápia frita e umas boas geladas o mais breve possível.
            Chegamos em 3 Passos as 6h da tarde. Já estava escuro, e alguns demoraram um pouco mais para chegar. As musas foram procurar um lugar pra nós tomarmos banho, acharam em um posto, por 2 pila, enquanto esperávamos os outros, alguns foram tomando banho, pra adiantar a viagem. Saímos  às 8h da noite em direção a Ijuí. A viagem foi tranquila, chegamos pelas 10h da noite em Ijuí, satisfeitos com a pedalada realizada.
            Agradeço em nome da ACIB a todo pessoal de 3 Passos que nos proporcionou este maravilhoso passeio-confraternização-integração, nem sei como chamar, pois foi muito bom. Esperamos poder retribuir o mais breve possível esta gentileza proporcionada por vocês amigos de 3 Passos, e também repetir esta audaciosa aventura. Agradecer também as nossas fotógrafas-musas-ACIB que contribuíram para o sucesso do evento, com fotos muito bem tiradas e acompanhamento nos pontos de parada.
           
            Abraços a todos que participaram desta pedalada e que da próxima vez mais ciclistas possam ir com a gente participar.

Segue mais fotos da pedalada:

Nenhum comentário:

Postar um comentário